quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

ANO NOVO ...Vestes Para Despertar o Merecimento


O Renascimento acontece...
Quando deixamos brotar em nós, a esperança na construção do Novo
De nada adiantará, pular ondas, comer uvas, sementes de romã,vestir-se de branco,assistir a Missa do Galo, frequentar Centro Espirita, Centro de  Umbanda...se facilarmos no tempo presente.O Novo, nunca virá para quem não conhece o amor, a gratidão,o respeito, a solidariedade,a cumplicidade e o companheirismo.
De nada adiantará, ficar chorando de arrependimento, quando você perceber que o relógio avançou e você nada fez, em favor do tempo real.
O "Futuro a Deus pertence",já dizia os antigos. Por isso, apostemos no tempo presente, é nele que podemos regar a planta que irá florescer e tornar a nossa vida mais feliz!
O poeta Drummond, nos dá uma receita de Ano Novo, que vale a pena seguirmos
Brindemos ao Merecimento e ao Despertar!
FELIZ 2012



Receita de Ano Novo

Para você ganhar um belíssimo Ano Novo
cor do arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
(mal vivido talvez ou sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser;
novo
até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta recebe mensagens?
passa telegramas?)

Não precisa
fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar arrependido
pelas besteiras consumidas
nem parvamente acreditar
que por decreto de esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.

Para ganhar um Ano Novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre.

Carlos Drummond de Andrade

5 comentários:

  1. Feliz Ano Novo, minha querida Lila.
    Bj
    Mauricio Cals

    ResponderExcluir
  2. Amado Maurício...
    Saudades das palavras pinceladas com as cores da sua essência !
    Que sigamos construindo com o nosso bem querer, a nossa "Fortaleza"...tela do bem viver!
    Um abraço enorme em você e muita saúde e felicidade!!!
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Feliz Ano Novo,
    Lila querida, que o ano se espalhe belo como seu sorriso
    em seu primeiro dia.
    Beijos,
    Armando.

    ResponderExcluir
  4. Armando...
    Você faz parte da minha História. Repassando...como é bom ver você presente, em algumas das páginas.
    Que maravilha ter podido conviver com você, somar palavras, subtrair e multiplicar idéias com alguém de inteligência tão rara e de sensibilidade ímpar!
    Que possamos ir em frente na sintonia que nos unifica!
    Que você seja muito...muito feliz !
    beijo grande

    ResponderExcluir
  5. Que lindas palavras, Lila! Amei!
    Para você também, um Novo Ano cheio de muitas felicidades e possibilidades! Vestindo todas as cores do Arco-íris.
    Um grande beijo!
    Mara Thiers

    ResponderExcluir